FÉRIAS!

Este blog entra de férias a partir de hoje.

Voltarei a postar em primeiro de dezembro.

Caso ocorra qualquer fato que mereça realce, darei um jeito de correr para cá.

Com relação ao Natal e Ano Novo: sim, estarei por aqui. Apesar de eu já ter agendado uma viagem para Minas Gerais e outra para Rio de Janeiro nestes dias, darei um jeito de atualizar o blog. Para isso, conto com que o sistema 3G da Tim não me deixe na mão.

Até a volta.

Anúncios
FÉRIAS!

Concerto para Cello e Orquestra em Si bemol menor – Dvorák

Continue reading “Concerto para Cello e Orquestra em Si bemol menor – Dvorák”

Concerto para Cello e Orquestra em Si bemol menor – Dvorák

O Brasil adora mostrar sua pobreza

Ennio Morricone, um renomado maestro e compositor italiano de trilhas sonoras, veio ao Brasil em maio para se apresentar no teatro Alfa – onde conduziu um coral com mais de 80 componentes e uma orquestra com mais de 100 músicos.

Durante sua estada no país, Morricone foi convidado a assistir, também, à apresentação de uma orquestra. Não, essa orquestra não era a Osesp nem a Municipal. Era a orquestra da favela de Heliópolis, coordenada pelo projeto Baccarelli. 

O mesmo ocorreu quando Zubin Metha – um dos mais importantes maestros do mundo e regente da filarmônica de Israel. Ele também foi apresentado à fatídica orquestra.

O que isso tem de ruim? NADA. É bom que projetos como esses sejam alvos de divulgação. Mas ninguém os levou para assistir Quadros de uma exposição – de Mussorgsky – na época, em execução na Sala São Paulo.

Em Roma, Lula – Nossa Alice [no país das maravilhas] – deu para o Papa um presente que retrata a vida de retirantes nordestinos. Ou seja: uma imagem de parte da miséria que assola certas partes do Brasil. Por que Nossa Alice não presenteou o Papa com um livro de Machado de Assis?, com algo que remeta às riquezas de nossa flora e fauna? Só faltou a Lula dar ao Sumo Pontífice uma foto com uma morena a sacudir os glúteos para lá e para cá. Vocês sabem: futebol e mulher são os nossos orgulhos nacionais. Já, na França, os brios são o Louvre, o Arco do Triunfo, aquela torrezinha…

Já dizia Arthur Schopenhauer: o pobre é limitado pela sua pobreza e pela sua necessidade; as suas realizações substituem a instrução e ocupam seus pensamentos.

O problema, na realidade, não é ser pobre; mas, sim, pensar como pobre.

No concerto assistido por Zubin Metha em Heliópolis, por exemplo, um contra-baixista acabou indo parar em Israel, tocar juntamente com o maestro. Por quê? Simples: porque pensou alto e valorizou suas aptidões. Seguindo esse exemplo, o país deveria pensar de forma una no que se refere ao nosso potencial e exibi-lo para o mundo todo.

Mas que nada!!!! O Brasil gosta mesmo é de mostrar sua miséria, pobreza e mesquinhez.

O Brasil adora mostrar sua pobreza

Decisa sobre infidelidade partidária gera troca de farpas entre Poderes

Da Folha de S.Paulo

A decisão do STF (Supremo Tribunal Federal) de manter a punição por infidelidade partidária detonou mais uma crise entre os Poderes.
Ontem, da cadeira da presidência, Arlindo Chinaglia (PT-SP) rebateu as críticas do presidente do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), Carlos Ayres Britto, sobre a lentidão do Legislativo, dizendo que sabe de casos de ministros que ficam “sentados meses em cima de processos e não deliberam”.
Irritado, Chinaglia desqualificou Ayres Britto ao afirmar que prefere conversar com Gilmar Mendes, que é presidente do STF, e que nem todos podem cobrar agilidade.
“Poucos têm autoridade para dizer que nós somos lerdos, principalmente um ministro a quem respeitamos. Mas amizade à parte, vamos fazer a defesa do Poder. Se necessário for exemplificar, exemplificarei, há casos concretos. Há caso em que o juiz fica um, dois, três, seis meses e não delibera. Então, estou dando um recado claro: vamos manter a relação entre os Poderes e com quem tem o poder de representar cada um deles. Aqui, vamos conduzir de acordo com as regras, como sempre fizemos”, afirmou.
A troca de farpas acontece pela suposta demora da Câmara em cumprir determinação do TSE de declarar a perda de mandato de Walter Brito Neto (PRB-PB), primeiro deputado federal cassado por infidelidade partidária que deixou o DEM pelo PRB após 27 de março de 2007, data limite estabelecida para trocas. Ayres Britto reclama ainda da ausência de legislação sobre o assunto.

Assinante, leia mais aqui.

Decisa sobre infidelidade partidária gera troca de farpas entre Poderes

Lula diz que Dilma é candidata, “mas não será fácil ganhar em 2010”.

De O Estado de S.Paulo

A ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, recebeu a “bênção” do presidente Luiz Inácio Lula da Silva como sua candidata na disputa pelo Palácio do Planalto em 2010. Mas o presidente reconheceu que não será “fácil ganhar”. Em entrevista a cinco diários italianos publicada ontem, Lula deu a largada na sucessão presidencial. “Eu, na verdade, tenho um nome na cabeça, o de Dilma, chefe da Casa Civil do governo. Ainda não falei com ela, mas creio que poderá ser uma boa candidata”, disse, segundo o Corriere della Sera. “Queria que o Brasil, depois de mim, fosse governado por uma mulher, e já existe a pessoa ideal: Dilma Rousseff”, afirmou, no registro do La Repubblica.

O jornal Il Manifesto publicou outro trecho da declaração do presidente. “Creio que o PT deve construir uma base sólida para levar adiante o projeto que estamos implantando no Brasil”, disse Lula, segundo o diário. “O partido vai discutir sua candidatura e eu, já repeti mais de uma vez, direi que a minha ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff, tem potencial extraordinário para ser a candidata. Mas a coisa mais importante para nós é construir antes uma aliança entre diversas partes e um programa sólido”, ressaltou. “Se continuar a onda sobre a qual no movemos, o governo chegará à data das eleições em posição de força.”

Diante da repercussão da entrevista de Lula aos jornais italianos, uma Dilma sorridente, de terninho preto, apareceu na área residencial do Vaticano com o presidente e outros três ministros, para uma audiência com o papa Bento XVI. Minutos antes de ser cumprimentada pelo papa, ela chegou a sorrir para jornalistas.

Horas depois, numa entrevista para jornalistas brasileiros na sede da embaixada em Roma, o presidente tentou amenizar as declarações sobre Dilma, mas acabou reforçando o que havia dito. “O que eu disse para eles (jornalistas italianos) eu digo para vocês (brasileiros): tenho de construir uma candidatura da base aliada e ligada ao governo”, afirmou. “Quem conhece a ministra sabe que ela tem potencial e poderá ser escolhida pelos partidos da base e pelo PT.”

Assinante, leia mais aqui.

Lula diz que Dilma é candidata, “mas não será fácil ganhar em 2010”.

Dantas lavou dinheiro com gado, diz relatório da PF

Da Folha de S.Paulo

Esqueça as idéias grandiloquentes de conspiração e o apelo de chamar banqueiro de “capo” (chefe mafioso) -características que contribuíram para tornar folclórico o inquérito do delegado Protógenes Queiroz sobre a Operação Satiagraha. O novo relatório da Polícia Federal sobre Daniel Dantas é seco como um artigo do Código Penal. Em vez de teorias e especulações, o delegado Ricardo Saadi se concentra em descrever os crimes principais que a PF atribui ao banqueiro: gestão fraudulenta e lavagem de dinheir
O relatório de 243 páginas e cinco anexos foi entregue gravado em CD na última sexta-feira ao juiz federal Fausto Martin De Sanctis, da 6ª Vara Federal Criminal de São Paulo, e está agora com o Ministério Público Federal.
No documento, uma atividade aparentemente paralela de Dantas ganha relevância central: a Agropecuária Santa Bárbara Xinguara, empresa que em três anos se tornou proprietária de um dos maiores rebanhos do mundo, com cerca 500 mil cabeças, segundo Dantas, ou 1 milhão, de acordo com estimativas do mercado.
A agropecuária é apontada como peça central na suposta lavagem de dinheiro que a PF atribui a Dantas. Segundo a investigação da PF, Dantas chegou a reunir cerca de US$ 800 milhões num fundo de investimento nas Ilhas Cayman.
Parte do lucro obtido nessa operação retornou para o Brasil e foi aplicada em gado, ainda de acordo com a PF. Especialistas em lavagem de dinheiro dizem que gado é uma das melhores formas de converter recursos sem origem em dinheiro limpo. A maneira clássica de lavar dinheiro com gado é inventar novilhos. O empresário pode inventar que nasceram 300 mil cabeças no seu rebanho, o que é virtualmente impossível de ser checado. A simulação da venda dos novilhos fictícios serve para esquentar o dinheiro sem origem que teria vindo de paraíso fiscal, segundo a PF.
A suposta gestão fraudulenta do Banco Opportunity é descrita no relatório, segundo relatos de policiais, a partir do que a PF chama de “remessas ilegais” de recursos para o Opportunity Fund, nas Ilhas Cayman. Esse fundo só podia receber recursos de estrangeiros ou de brasileiros residentes fora do país, mas essa norma da CVM (Comissão de Valores Mobiliários) foi violada, segundo a PF.

Assinante, leia mais aqui.

Dantas lavou dinheiro com gado, diz relatório da PF

Europa já demite 10 mil pessoas por dia

De O Estado de S.Paulo

São quase 10 mil novas demissões a cada dia . Essa é a realidade da Europa hoje, uma economia que sofre para dar sinais de competitividade e acumula problemas. A crise financeira se transformou numa crise da economia real e políticos já alertam para a terceira fase: a crise social. Dados de vários governos deixam claro que a situação é a pior em mais de uma década.

Entre os mais afetados estão os imigrantes, muitos deles brasileiros. Na Espanha, 46% dos imigrantes estão sem emprego. O Reino Unido divulgou nesta semana o pior aumento do desemprego em 16 anos. Hoje, o governo inglês é obrigado a pagar pensões a 980 mil pessoas: 1,8 milhão de trabalhadores perderam o emprego em 2008. E o pior é que a crise ainda não revelou toda sua dimensão. “Não estamos ainda no fundo do poço”, disse o ministro do Trabalho britânico, Tony McNulty.

No Reino Unido, foram 1,5 mil novos desempregados por dia entre agosto e outubro. Ontem, a British Telecom anunciou que demitiria 10 mil pessoas até o fim do ano. Em porcentuais, a taxa chega a 5,8% no Reino Unido, ante 7,5% na zona do euro, e deve aumentar para quase 9% em 2009. Para a HBOS, o desemprego pode chegar a 3 milhões até 2010.

Assinante, leia mais aqui.

Europa já demite 10 mil pessoas por dia