Democratas pressionam Obama por mudanças na área de inteligência

De O Estado de S.Paulo

Congressistas democratas querem a saída dos diretores da Inteligência Nacional, Mike McConnell, e da CIA, Michael V. Hayden, pois os dois apoiaram as políticas do governo de George W. Bush de interrogatórios e escutas telefônicas. Ambos já prevêem que devem ser substituídos pelo presidente eleito Barack Obama no início de seu governo.
Especialistas na área de inteligência, porém, manifestam um grande respeito pelo atual quadro de líderes da inteligência, que teria restaurado o profissionalismo perdido por vários escândalos.
Para um funcionário do governo que acompanhou de perto a evolução da liderança do serviço, é importante manter pelo menos alguns profissionais “experimentados” no cargo durante o período de guerra.
McConnell e Hayden, ambos funcionários de carreira, haviam indicado que gostariam de permanecer em seus postos e ambos crêem que sua saída pode ser entendida como uma politização da função, abrindo um precedente para mudanças automáticas de pessoal – mesmo de funções técnicas – quando a Casa Branca mudar de comando.
Em 2001, por exemplo, a decisão de Bush de manter George Tenet, nomeado por Bill Clinton, na direção da CIA foi vista na agência como uma medida estabilizadora. Nos dez anos anteriores, a agência tinha tido cinco diretores, após o escândalo Irã-contras.

Assinante, leia mais aqui.

Anúncios
Democratas pressionam Obama por mudanças na área de inteligência

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s