Deputados pedem reembolso até para vacinas que são gratuitas na rede pública

Da Folha de S.Paulo

Por ser bastante vaga, a regra que hoje praticamente permite que os deputados tenham um “cheque em branco” para gastos com saúde acaba sendo terreno fértil para abusos.
Sobram exemplos de congressistas que tentam ser ressarcidos por despesas que não estão previstas no ato da Mesa Diretora que, em 1983, estabeleceu o benefício.
Já houve pedidos para a compra de equipamento para tirar a pressão e para o pagamento de vacinas disponíveis de graça na rede pública -ambos acabaram sendo barrados pela Câmara, segundo a Folha apurou.
Em outro exemplo, o deputado Laurez da Rocha (PSB-TO) pediu o reembolso de R$ 5.800 por equipamento para tratamento de apneia do sono.
“Pedi porque pago um plano que não cobria. Eu acho que foi certo a Mesa [ recusar o pedido], nem questionei. Agora, se a Câmara tivesse pagado, eu também não iria dispensar”, disse o deputado.

Assinante, leia mais aqui.

Anúncios
Deputados pedem reembolso até para vacinas que são gratuitas na rede pública

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s