EUA pedem mais tropas a aliados

De O Estado de S.Paulo

O secretário de Defesa americano, Robert Gates, deve pressionar os 25 países membros da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) a aumentar o número de soldados no Afeganistão durante a reunião de dois dias que começa hoje na Cracóvia, Polônia. Gates também pedirá mais helicópteros e aviões de carga e tentará convencer seus aliados a levar unidades para áreas mais perigosas, como a região tribal na fronteira com o Paquistão, reduto do Taleban.

Na terça-feira, o presidente Barack Obama anunciou o envio de mais 17 mil soldados ao Afeganistão até o meio do ano para “estabilizar a situação que se deteriora”. Os EUA esperam que a Otan se comprometa a aumentar seu contingente, atualmente em 56 mil homens. Outros 9 mil soldados estrangeiros, que não fazem parte da Otan, também atuam no território afegão.

O reforço de ofensiva precisa ocorrer antes das eleições presidenciais e provinciais afegãs, marcadas para 20 de agosto. Itália e Alemanha adiantaram-se ao pedido dos EUA e anunciaram ontem um aumento de seus efetivos até o meio do ano. Berlim enviará um contingente extra de 600 soldados e Roma, 500.

A Austrália, país que não faz parte da Otan, mas tem mil soldados no Afeganistão, também deu sinais de que poderá reforçar sua força. “Sempre consideramos os pedidos de nossos aliados, mas vamos esperar até que os países da Otan estejam preparados para fazer mais”, afirmou o ministro da Defesa, Joel Fitzgibbon.

Assinante, leia mais aqui

Anúncios
EUA pedem mais tropas a aliados

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s