Torturas sob Bush podem levar a processos

Da Folha de S.Paulo

O presidente americano, Barack Obama, abriu caminho ontem para processos contra autoridades do governo Bush que criaram o marco legal para torturar suspeitos de terrorismo em interrogatórios.
Em entrevista na Casa Branca, o democrata afirmou que os EUA perderam “o patamar moral” com o emprego de táticas como simulação de afogamento, que eram chamadas de “técnicas duras de interrogatório” pelo governo anterior.
O comentário de Obama foi feito um dia após reiterar, na sede da CIA (onde foi ovacionado), que os funcionários da agência envolvidos nos abusos não serão punidos por isso. Ele havia dito isso na semana passada, quando mandou divulgar memorandos secretos da gestão anterior sobre a questão.
Ontem, Obama deixou a cargo do secretário da Justiça, Eric Holder, avaliar se os mentores dos interrogatórios com tortura devem ser processados. Holder agirá “dentro dos parâmetros de inúmeras leis, e eu não pretendo prejulgar isso”, disse.
Ele declarou também que apoiaria uma investigação parlamentar bipartidária do programa de detenção de suspeitos de terrorismo da era Bush. A porta aberta ontem por Obama aparentemente contrariou a declaração de seu chefe de gabinete (equivalente no Brasil a ministro-chefe da Casa Civil), Rahm Emanuel, que dissera, no domingo, que o governo não apoia processos contra “os que planejaram a política”.

Assinante, leia mais aqui

Anúncios
Torturas sob Bush podem levar a processos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s