Zelaya é impedido de voltar a Honduras

Da Folha de S.Paulo

O presidente deposto de Honduras, Manuel Zelaya, foi impedido ontem pelo governo interino de aterrissar no aeroporto internacional de Tegucigalpa, onde um confronto entre vários milhares de manifestantes e forças de segurança deixaram ao menos um morto e alguns feridos.
Foi a primeira morte desde que Zelaya foi deposto, há oito dias. Entre os feridos, pelo menos três manifestantes sofreram lesões graves. O dia mais tenso desde o início da crise política levou o governo interino a antecipar o toque de recolher das 22h para as 19h.
A bordo de um avião de matrícula venezuelana, Zelaya embarcou de Washington rumo a Honduras acompanhado do presidente da Assembleia Geral da ONU, o nicaraguense Miguel D’Escoto, apesar de advertências do secretário-geral da OEA, José Miguel Insulza, e da Igreja Católica de que seu regresso poderia gerar violência.
O governo interino de Honduras não autorizou a aterrissagem de Zelaya, apesar de o Ministério Público ter pedido à Interpol que emitisse um mandado de prisão internacional.
O mandatário deposto é acusado de “traição à pátria”, entre outros crimes, por ter tentado convocar uma Assembleia Constituinte, iniciativa considerada ilegal pela Justiça e pelo Congresso.
O Exército colocou veículos na única pista de pouso do aeroporto, impedindo a aterrissagem. O avião então foi desviado e pousou em Manágua, na Nicarágua, antes de seguir para El Salvador, onde Zelaya era esperado pelos presidentes Rafael Correa (Equador), Cristina Kirchner (Argentina) e Fernando Lugo (Paraguai).
A expectativa era que Zelaya se reunisse com eles em San Salvador ainda ontem à noite.
Em entrevista por telefone à TV Telesur no momento em que sobrevoava Tegucigalpa, Zelaya admitiu que não conseguiria aterrissar e prometeu buscar outros meios para retornar a Honduras.

Assinante, leia mais aqui

Anúncios
Zelaya é impedido de voltar a Honduras

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s